domingo, 7 de fevereiro de 2010

O SACO DE VIAGEM

Imagina que tens uma mochila...
E que dentro dessa mochila começas a por as coisas que achas que são a tua vida...
Começando pelas coisas mais pequenas:

Se pensares na tua casa, começas por pôr todas as fotos das pessoas que gostas, enches de roupa, a cama, a cozinha, a tua casa de banho, o sofá da sala e o grande televisor...
Agora falta-te o resto daquilo que consideras que e o teu dia a dia.

Os amigos amigos, os conhecidos, os colegas de trabalho, e possivelmente a sra da mercearia que é muito simpática...

Lembras-te que o teu dia a dia também é preenchido de trabalho e resolves colocar também o escritório e tdo aquele ambiente fantástico (ou não) mas que te vai fazer falta, pois é o teu dia a dia.

Entretanto tentas levantar a mochila e não consegues...
demasiada pesada!

Então pensas que não tens que carregar tudo isso... não tens que te sobrecarregar com os problemas do mundo e que possivelmente elas te acompanharão todos os dias sem que seja as tuas costas..

Ou então revoltas-te e resolves partir sozinho.

Começas a viajar e tudo é bonito pois não tens quem te chateie e critique...
passeias, divertes-te e conheces novas pessoas...ganhas e gastas dinheiro, trabalhas e descansas.

Passam dias, meses e talvez até anos e fazes pausa a tua vida....

Verificas que a tua familia liga-te todos os dias,...
os teus amigos verdadeiros preocupam-se com o teu bem estar,...
e o teu amor pede para voltares.

Verificas também que os teus colegas de trabalho deixaram de contar as novidades do escritório, que o grupo de 300 jantares te deixa de convidar, que as 20000 SMS que recebias passam para 20.

e voltas a pensar...

Estás sozinho no outro lado do mundo e sentes-te acompanhado apenas pelo o desconhecido.

É então que chegas a conclusão que não faz sentido não partilhares esses momentos todos com os avós, os pais, os irmãos que sempre te ensinaram tudo...
Que não faz qualquer sentido não teres a companhia na cama do teu amor,...
Que a tua vida perde sentido sem aqueles 2 ou 3 amigos que sempre estiveram lá para te apoiar, para te criticar, para te sacudir, para te aplaudir...

Chegas a conclusão que nada faz sentido sem amares e sem seres amado apesar de estares a viajar pelo mundo...

Nunca pensaste assim?
Eu já... e achei imensa piada ao filme que vi hoje no cinema.

NUVENS!

cinco estrelas... se queres promenores, vê o filme*

" A vida é feita de ilusões e desilusões... recheios doces e amargos. Estrelas que brilharam para sempre e aquelas que morrem de um dia para o outro. Apenas tens que acreditar na tua força e que A MELHOR RECORDAÇÃO É Aquela que o SOL reflecte e se deixa brilhar! "

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010


Lindos!!!! Obrigada meu amor... =)
p.s.: aqui a tua espera...
*********************************
video

A mulher, o amante e o marido

A mulher está na cama com um amigo e de repente ouve o barulho da chave na fechadura. Fica nervosa, é o 20º andar, não há espaço debaixo da cama, não há armários... De repente, ela diz ao amante:
- Querido, fica tranquilo e faz tudo o que eu disser. Fica ali de pé, como se fosses um robot, sem pestanejar.
O marido entra:
- Olá amorzinho! Olha, anteciparam o voo e eu cheguei um dia antes... Mas... quem é esse tipo e que merda está a fazer nu, aí plantado?
A mulher sorri e responde:
- Como me tens abandonado com essas viagens e reuniões, resolvi comprar este 'robot escravo sexual modelo RTSEX-2007'. Vem, aproxima-te... toca-o... Tem pele de verdade; é arrefecido a água; gasta pouco, processador de 256 bites, ligação GPRS à Internet, actualizações automáticas, etc, etc...
- Mas, amor... Havia necessidade disso?
- E o que querias? Que me enrolasse com algum vizinho ou com o porteiro do prédio?
- Ah, está bem... Olha, vamos para a cama - disse ele.
A mulher, que já estava cansada, responde:
- Ai, fofinho, é que... Dói-me a cabeça e além do mais eu estou naqueles dias...
- Que má sorte a minha. Então, porque não vais arranjar qualquer coisa para eu comer?

A mulher sai do quarto e vai para a cozinha. O marido, que ficou a sós com o suposto 'robot', olhando-o diz:
- Se este invento é bom para a minha mulher, também vai servir para mim. E então, puxa-o pelo braço, atira-o para cima da cama, põe-o de quatro e quando está a ponto de partir para os finalmentes, o robot diz nervosamente e com a voz mais metálica e robótica que consegue:

- 'ERRO! ERRO DE SISTEMA, ENTRADA INCORRECTA! ERRO! ERRO DE SISTEMA, ENTRADA INCORRECTA'.

O marido mira-o de alto a baixo, sobe as calças e diz:

- Que se lixe a merda do robot moderno. Vou atirá-lo já pela janela fora...

O amante, assustado ao lembrar-se dos 20 andares do prédio, grita com a mesma voz metálica:

- SISTEMA ACTUALIZADO! DOWNLOAD DE SOFTWARE COMPLETO! POR FAVOR, TENTE DE NOVO!